A Villa Augusta Eventos é uma herança arquitetônica idealizada pelo comerciante Reinaldo Zequinão. Descendente de italianos da região do Vêneto, Pietro Zecchinon e Francisca Meneguim, seus avós, chegaram ao Brasil em 1875, quando adquiriram o terreno da Villa Augusta. 

Pietro Zecchinon e Francisca Meneguin tiveram seis filhos: Antônio, Luiz, Domingos, Maria, Madalena e Augusta, a mais velha, que se tornou proprietária do terreno. 

Em 1953, Reinaldo Zequinão, filho de Antônio Zequinão e Rosa Fiori, casou-se com Arlete de Mira, e mais tarde comprou o terreno de sua tia Augusta para construir sua residência. 

Inspirado no estilo neoclássico com pórtico colunado e frontão triangular, a obra da Mansão Zequinão teve início em 1964, sendo finalizada em 1966. Nessa época, o Bacacheri era um bairro predominantemente residencial. 

Reinaldo Zequinão, Arlete de Mira e os filhos residiram nesta propriedade até meados de 2007. O nome Villa Augusta foi dado em homenagem à tia de Reinaldo, que morou neste terreno até 1960.